Móbilis – 2003

capa-demoana
Demoaná – 2004
23 de outubro de 2015
capa-duas-estacoes
Duas Estações – 2000
23 de outubro de 2015

Móbilis – 2003

capa-mobilis

Mobilis é a observação do que há para além da forma, aquilo que o movimento aponta, o traço e o insinuado. A relação entre um espaço criado e um corpo plural composto de substância, imagem e sentidos que se articulam e provocam associações livres.

Mobilis é um jogo de gravidade e suspensão, equilíbrios e dinâmicas, ordem e caos, investigando as relações entre o real e o virtual. A imagem, ampliando as possibilidades da realidade e subvertendo a lógica do movimento, coloca em questão o condicionamento às aparências e os modos de percepção do mundo. Nada existe por si só, tudo aparece como existência a partir do olho do observador.

FICHA TÉCNICA

  • Coreografia: Dora Andrade e Gilano Andrade
  • Afinação: Claudia Andrade
  • Assistentes coreográficos: Tatiane Gama e Mônica Marques
  • Trilha original: Manassés de Sousa
  • Figurino: Lino Villaventura
  • Cenografia: Augusto Oliveira, Bianca Kovach, Hemetério P.A. Filho
  • Cabelo e Maquiagem: Marquinho Oliveira, Clara Boussaingault
  • Imagens: Cia de Imagens
  • Projeções: Paulo Pina
  • Iluminação: Samir Kassouf
  • Fotografia: Mila Petrillo
  • Produção: Gerusa Pacheco
  • Direção Geral: Dora Andrade
Contato para eventos: (85) 3278-1515 / (85) 98869-1180 – edisca@edisca.org.br